quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Queimada ilegal – apesar dos avisos – causou alarme esta tarde na zona do Saltadouro!

O alerta chegou pouco depois das 3 horas da tarde desta 5ª feira, por parte de residentes no Saltadouro, freguesia de Tavarede: uma queimada não autorizada e aparentando estar descontrolada dentro de um quintal, logo ali no sopé da Serra da Boa Viagem, estava a provocar alguma apreensão fazendo com que se chamassem socorros. 
Compareceram os Bombeiros Municipais e Voluntários com duas viaturas cada, e a PSP. Rapidamente a queimada foi apagada ficando a situação resolvida às 15h40. 
Fonte dos Bombeiros Municipais por nós contactada relembrou que as queimadas estão proibidas até 31 de outubro, e que mesmo após esta data terá sempre de haver ‘bom senso’. (Foto nossa de arquivo)

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Depois da fogaça vem a ‘chuvança’!

Pois é espectável que venha – e que venha vindo depressa - mas será que os lugares críticos e de habituais inundações pela Figueira da Foz estarão “a postos” (leia-se limpos) para receber a chuva?
Tirámos algumas fotos nas Abadias onde a sua vala está visivelmente atafulhada, e à volta do jardim onde detetámos sargetas e bueiros lastimavelmente entupidos! 
Depois queixem-se… e digam mais uma vez que a culpa é das marés! É sempre uma boa desculpa!

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Carros mal estacionados impedem passagem… dos dois lados!

Quem segue a pé pela rua António Silva Biscaia (a seguir ao museu) e quer deslocar-se pelo beco com o mesmo nome (junto ao café restaurante Marbelo) para, por exemplo, a Igreja Matriz, muitas das vezes vê-se em “palpos-de-aranha” para o fazer devido ao ‘intenso’ estacionamento automóvel no passeio do lado de cá! 
E logo depois tem de atravessar a rua Fernandes Coelho… pois tem se o conseguir pois, do lado de lá, costuma estar um ou outro carro também “muito-bem-estacionados” a impedir esse acesso, para além dos ‘piços’ que ali se encontram! 
Pessoas com deficiência e em cadeira de rodas tem de voltar para trás e dar a volta! (Notícia sugerida pelo nosso leitor A.C.)

Matas de Quiaios vistas do miradouro da Bandeira, na Serra

Antes do incêndio 
Depois do incêndio

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Alerta para falsos peditórios para os Bombeiros Voluntários! / Há um desaparecido na Figueira da Foz

Com o título “Há gente para tudo” a página do Facebook dos BVFF esclarece que não estão no momento a efetuar nenhum peditório ‘de verbas ou de quaisquer bens’. A única solicitação que fazem é de águas, o que muito agradecem. 
……………………………………
Por sua vez foi divulgado no balanço desta tarde na sede da ANPC, existirem, para além dos atuais 36 mortos devido aos fogos, também 7 desaparecidos, um dos quais na Figueira da Foz.  =SAPO24=

Treinador Carlos Queiroz estava ontem no Paião quando o fogo deflagrou e ficou retido / Matas de Quiaios ‘desapareceram’!

E depois de ver a luta e coragem dos populares locais a tentarem combater o fogo, escreveu um texto no Facebook a homenagear os resistentes: "Fica-me a honra de testemunhar a coragem de gente que nunca vacila, nem perante o horror dantesco das chamas que enfrenta. 
Este breve testemunho é acima de tudo uma palavra de homenagem para essa gente e para todos aqueles que, com meios limitados, em missão comunitária, combatem os incêndios! Defendem o que é seu e defendem os outros!...” =Diário de Notícias= 
……………………………………………….. 
Por sua vez a Mata Nacional das Dunas de Quiaios ficou ‘desapareceu’ entre as povoações de Quiaios e da Praia da Tocha. A autarquia da Figueira da Foz assinalou hoje a "perda enorme" de biodiversidade resultante do incêndio que destruiu a grande maioria da Mata Nacional das Dunas de Quiaios, afetando a envolvente das lagoas da Vela e Braças. =Porto Canal=

Polícia Marítima resgata pescador que ao chegar da faina ficou sem poder passar devido ao fogo / Reacendimento esta tarde em Quiaios prontamente debelado

A Polícia Marítima da Figueira da Foz efetuou ontem a evacuação de um pescador lúdico em terra, na zona da Costinha, a norte de Quiaios. Andava à pesca no mar e, quando chegou a terra, já não lhe era possível regressar ao ponto onde tinha deixado o automóvel devido ao incêndio que lavrava na região. =AMN= 
………………………………………………... 
Entretanto, segundo fonte dos Bombeiros Municipais informou ao nosso jornal ter havido um foco de reacendimento em Quiaios esta tarde, por volta das 18h00, mas que foi prontamente dominado pelas equipas de prevenção no local. 
O comandante dos bombeiros Municipais, Nuno Osório, disse há pouco ao fim da tarde que o fumo que envolve a cidade desde o início da tarde de hoje não se deve a novos incêndios, mas sim ao "teto de nuvens baixas que se formou e que impede que o fumo suba e se dissipe".

domingo, 15 de outubro de 2017

Incêndios continuam ‘descontrolados’ a norte e a sul da Figueira da Foz! Acidente com viatura dos Voluntários na ponte!

Dois incêndios deflagraram já na tarde de hoje no nosso concelho. O primeiro alerta veio do Ervedal, em Quiaios, às 14h36, e o segundo do Copeiro, no Paião, pelas 15h58. 
Em recente informação que recolhemos há pouco, já perto das 22 horas, fonte dos Bombeiros Municipais informou que os incêndios ainda não se encontravam circunscritos, e que estariam mesmo descontrolados! 
O incêndio de Quiaios teve uma progressão galopante e a passar por várias localidades e concelhos: Ervedal – Quiaios – Matas Nacionais – Tocha – Cantanhede – Mira. 
O incêndio do Paião começou no Copeiro. Na deslocação para acudir a este incêndio, um jeep dos Bombeiros Voluntários com dois operacionais despistou-se na Ponte Edgar Cardoso por volta das 16h15. Por precaução foram levados ao hospital, mas não sofreram ferimentos. 
Por outros lados próximos, a A1 esteve cortada entre Albergaria e Mealhada, e em Vieira de Leiria o fumo assumiu contornos fantasmagóricos! 
No combate aos incêndios no nosso concelho estavam envolvidos, às 19h00, 82 bombeiros com 23 viaturas.

(Fotos de vários locais. Clicar nas mais pequenas para melhor as visualizar)  

sábado, 14 de outubro de 2017

Motards do Porto visitaram hoje a Figueira da Foz

A organização de uma qualquer visita de qualquer grupo de motards a qualquer sítio é sem pre bem vinda. O pretexto é sempre o mesmo: o prazer de conduzir uma mota! 
Desta forma, um grupo de motards da cidade do Porto deslocou-se hoje de manhã à nossa cidade. Estacionaram no passeio em frente à Nau, visitaram vários locais da cidade, e desembocaram num restaurante da cidade, onde almoçaram. Seguiu-se o regresso, esperando nós que tudo em ordem… e voltem sempre!

Café Nicola: Lembranças e muitas bicas…

Em excelente artigo publicado no Diário de Coimbra em 20 de setembro de 2017, António Jorge Lé faz um historial do muito recordado Café Nicola. E vai mais longe, publicando os nomes não só dos proprietários, mas também de figuras típicas e carismáticas que o rodeavam, como a ‘Celeste’ e o ‘Abel’
Sabia que o Café Nicola abriu em 1940, e que chegou a ter 52 empregados!? = Este historial vai ficar permanentemente disponível na secção deste jornal “Diversidades Figueirenses”, mas ao qual pode aceder diretamente AQUI.
(Clicar nas fotos para melhor as visualizar)

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

No jardim, onde estarão as flores e os bancos da álea da gaiola!?

No jardim já se sabe que é uma ‘falsa questão’ querer-se que haja flores. Não dá! Mal começam a nascer são logo arrancadas para meter na lapela, oferecer à namorada, ou levar para casa para pôr naquela jarra à entrada da porta! 
Antigamente também não dava… mas inventava-se: faziam-se crescer flores nos sítios altos onde não se lhes chegava, como nas traves dá álea do passarinheiro! Veja-se a fotografia, aí com uns 25 anos: era ou não bonito? 
Agora, não há flores e, esquisitamente, nem os bancos que sempre existiram entre as suas colunas! Desapareceram! Porquê!? Qual a razão!? E para onde foram!? 
» » » » » » » » » » » » » » » » » »

Mão cheia de notícias figueirenses

-Carlos Pedrosa, voluntário na Sociedade Artística Musical Carvalhense (Lavos) foi surpreendido pela TVI » Reportagem
-Porto da Figueira da Foz registou incremento de mais 53,7 mil toneladas. =Diário de Notícias=
-Juizes na Figueira da Foz – Uma Figueira, uma nascente e uma Foz! =Revista Sábado=-
Santana Lopes aponta à liderança do PSD e pode vir a apresentar candidatura na Figueira da Foz =As Beiras=
-Os estivadores do porto da Figueira da Foz chegaram hoje a um entendimento "histórico" com as empresas portuárias relativamente ao futuro Acordo Coletivo de Trabalho=Correio da Manhã=

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Vem aí sábado e domingo de calor e início de semana com chuva

A temperatura vai chegar, respetivamente, aos 33º e 34º nestes dois dias. 
Mas na 2ª feira a temperatura ‘desce’ oito a nove graus, para os 25, e com chuva em todo o país! 
Previsto para a Figueira da Foz 3 dias de chuva, já a diminuir ao fim da tarde de 3ª feira.
E segundo dizem os 'entendidos', o "bom tempo" agora é mesmo chover!
Depois, mais previsão de pluviosidade só mesmo nos últimos dias deste mês. =Que venha ela!

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Despiste aparatoso seguido de vários capotamentos em rotunda à entrada da cidade

Ontem, pouco depois das 07 horas da manhã, um automóvel oriundo da EN 111 entrou em despiste na rotunda que dá acesso a Tavarede, à Figueira da Foz e a uma estrada lateral e mais abaixo onde se situam várias lojas e serviços (rua Arnaldo Sobral). 
Segundo fonte dos Bombeiros Municipais, pelos indícios encontrados e eventualmente devido ao nevoeiro, o despiste terá começado antes da rotunda a que se seguiram múltiplos capotamentos, passando por cima desta e indo o carro parar do outro lado já na descida de acesso à rua Arnaldo Sobral. Acorreram de imediato ao local os bombeiros Municipais e Voluntários, a VMER, e a PSP que tomou conta da ocorrência. 
O desencarceramento foi rápido. Pese embora o aparato, a condutora não aparentava mais que ferimentos ligeiros, apesar de se encontrar algo desorientada, apenas dizendo que se chamava ‘Andreia’. Foi conduzida ao hospital, de onde já terá saído. 
De notar que, ao lado, a avenida Prof. Dr. Bissaya Barreto esteve condicionada ao trânsito durante alguns minutos devido aos inúmeros destroços que o acidente provocou.

Castelo eng. Silva às (e com) moscas!

Literalmente! Esta janela do monumento, virada para a rua Cândido dos Reis junto à esplanada e onde passa continuamente muita gente entre figueirenses e turístas, está assim: literalmente às (e com) moscas! 
……………………………… 
A “coisa” é capaz de ficar resolvida dentro de algum tempo, pois vai ser dado início a uma nova fase de requalificação do Castelo. 
Ora a última ‘fase de requalificação’ terminou em 2012, e até agora – 5 anos depois - o edifício esteve… “às moscas’, sem nada, sem ninguém, sem atividade. Claro que se foi de novo degragando, óbvio! 
Agora com esta “nova fase” (onde também de novo se fala, como em 2012, que pode vir a ser um Posto de Turismo) irá ser dado algum uso ao edifício!? 
É que depois, se fica igualmente “às moscas”, daqui a cinco anos terá de haver “novo processo de requalificação”!...

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Detido por ameaçar e extorquir dinheiro a familiares!

Ontem, pouco depois do meio-dia, na praceta dr. Nogueira de Carvalho, foi detido por agentes da Polícia de Segurança Pública da Figueira da Foz um cidadão de 48 anos, residente na cidade, pela prática do crime de extorsão. 
O individuo, no momento da detenção, estava a desobedecer a medida de coação imposta pelo Tribunal da Figueira da Foz e a ameaçar e extorquir dinheiro a familiares. 
(Compilação de Nota de Imprensa recebida do Comando Distrital da PSP / Ilustração nossa de arquivo)

Milhão e meio!

Temos mais de um milhão e meio! Não, não falamos de euros, mas sim da riqueza do número de visitantes que o nosso jornal atingiu hoje. 
Que, na verdade, é uma vasta riqueza a ter em conta, isto depois de em 21 de setembro do ano passado termos assinalado 1 milhão! Ou seja, meio milhão num ano e 20 dias!

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Burlaram hipermercado da Figueira da Foz colando barras de códigos de garrafas baratas em garrafas de vinho caras!

Um grupo do norte percorreu o País a dar o golpe. Colocava em garrafas de vinho branco de luxo Pêra-Manca, que custam cerca de 30 euros cada, códigos de barras retirados de vinho corrente, normalmente a pouco mais de um euro cada. Passavam nas caixas dos supermercados e assim enganavam os funcionários, deixando rombos de centenas de euros. 
O esquema durou pelo menos um mês, em janeiro de 2015, em vários pontos do País, como Lagos, Faro, Portimão, Santo Tirso, Famalicão, Oeiras, Leiria, Coimbra e Figueira da Foz. Num hipermercado da nossa cidade agarraram em 10 garrafas de Pêra-Manca, marcadas a 24,99 €/cada e puseram-lhes os códigos de barras do vinho corrente Fazendas Perdidas, a 1,28 €/cada. Pagaram 12,80 € pelas 10 garrafas, em vez do preço verdadeiro de venda, que seria 249,90 €… 
Três membros do gang viram agora o Tribunal da Relação de Coimbra confirmar a condenação a multa de 750 euros e trabalho a favor da comunidade pelo golpe dado.  
=Compilação de notícia do Correio da Manhã online que pode ler na íntegra AQUI=

Buracos no alcatrão causam algum receio junto ao CAE

Na rua Abade Pedro, situada ao lado do Museu Municipal e que é o único acesso ao Centro de Artes e Espectáculos, pode ver-se no final do estacionamento do lado direito o mau estado do piso o que, por si só, não mereceria notícia, tantos que são os sítios para aí de estradas assim. 
Só que uma nossa leitora fez-nos notar o receio que alguns moradores da zona e que ali estacionam diariamente os carros começam a ter, devido ao contínuo ‘afundar’ de certos locais com o aparecimento de buracos. 
Um, dois, três… isto em local onde o piso parece já ter sido intervencionado há muito tempo… obviamente sem resolver o problema. 
E dizem por aí que mais vale prevenir do que remediar!... Por aqui esta nossa leitora (N.I.) pediu-nos tão somente para avisar!

domingo, 8 de outubro de 2017

Fim de tarde ‘avermelhada’ devido aos incêndios na zona centro!

O calor tem sido “mais-que-muito” e sem dúvida que, neste momento, o “bom tempo” seriam uns dias de muita e boa chuva! 
O fim de tarde de hoje – e já o de ontem e de anteontem – tem mostrado um céu figueirense fumarento e avermelhado devido aos vários incêndios que grassam na zona centro do país e que rodeiam, ainda que distantes, o concelho da Figueira da Foz. 
Mortágua, Vila Nova de Paiva, Alvaiázere, Ourém e Pampilhosa da Serra, são os pontos fulcrais da maior incidência dos atuais incêndios, que têm descarregado a fumarada e o tom avermelhado! 
Pelo nosso concelho, felizmente, não tem havido incidências de registo (e agora batam, por favor, com os nós dos dedos na madeira), mas quer os bombeiros municipais quer os voluntários tem alguns carros e equipas na ajuda ao combate do incêndio de Pampilhosa da Serra. 
Os bombeiros municipais, por cá, vão prosseguindo com piquetes de prevenção e vigilância a percorrer a Serra da Boa Viagem.

Agora a moda feminina (?) é usar pelos no nariz!

As últimas tendências ditavam que as sobrancelhas queriam-se grossas, como as da modelo Cara Delevingne. Agora, a atenção parece estar nos pêlos do nariz… 
NOTA IMPORTANTE: Se alguma menina figueirense decidir seguir esta moda, por favor avisar antes para podermos lançar alerta para as pessoas poderem fugir a tempo. Noticia »CM AQUI«

sábado, 7 de outubro de 2017

Quem se lembra do polícia sinaleiro!?

Mas na atualidade, e para os mais novos, há que reformular a pergunta: Sabem o que é (era) um polícia sinaleiro!?

Era uma figura emblemática 
Da nossa linda Figueira 
Tinha uma postura carismática Rígida segura e verdadeira 

O sinaleiro dos anos 60 no palanque ao lado do mercado. Era o polícia Baptista, bem conhecido por todos os figueirenses. 
(Uma publicação de Júlia Vidreiro no seu mural do Facebook - que agradece a Helena Borges a cedência da foto - e que aqui publicamos após contacto e com a sua devida autorização)

sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Fios com arte pela cidade!

Tem de se ter uma certa sensibilidade artística para se saber apreciar a arte de decoração de paredes na Figueira da Foz com fios telefónicos. As pessoas mal informadas até são capazes de pensar que isto é “desorganização” e dizer que “só se vê em países do terceiro mundo”, vejam lá! 
Damos aqui três aspetos desta cultura citadina, escolhidas entre as largas dezenas que se vêm por aí!

Salvador Sobral deixou hoje os cuidados intensivos!

E a reação de Hitler quando soube que ele tinha ganho o Festival!

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Causas dignas para uns... indignam alguns!

Causas dignas (das corridas que fecham avenidas) indignam comerciantes (que vêm as suas casas pouco con… corridas)! 
"Meia dúzia de ‘gatos-pingados’ obrigam a contínuo fecho das avenidas da Figueira até Buarcos!"
A frase em cima foi-nos bradada por um proprietário de um restaurante (B.A.) da avenida 25 de Abril, que acrescanta:“-Poucos participantes a correr e ainda menos a ver… e fecham as avenidas todas da Figueira da Foz até Buarcos! E nós, os comerciantes, que se lixem!” 
A corrida em causa que, na verdade, decorreu hoje de manhã (e que decorreu pela Av. 25 de Abril, Av. Brasil, Av. Infante D. Pedro e Av. D. João II, com retorno dos 10 km no enfiamento da Rua Santa Bárbara e dos 5 km no Largo de Buarcos) tinha a inscrição de 5 euros, e uma causa digna; a receita a reverter, integralmente, para duas instituições concelhias: A Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) e Casa do Povo de Quiaios.
Dissemos isto mesmo a este e a outro proprietário (P. R.) de um snack-bar da avenida do Brasil que apontou para a sala: “-…a esta hora estava cheia. Agora olhe, 3 pessoas! E a avenida às oito da manhã já estava fechada!! Mas que é isto!?...” E adiantou: “-É que esta 6ª feira há mais uma corrida e mais avenidas fechadas!” (NOTA: 2ª Corrida SPAIC – Mundipharma “Que a Asma não te pare”. Esta prova decorrre amanhã, dia 6 de outubro, pelas 18h30 com partida e chegada em frente ao Hotel Eurostars Oasis Plaza). 
NR: E domingo o FKTrail (Serra da Boa Viagem)! 
Já de Buarcos outra profissional de restauração (S.M.) refere que: “-…é que já recebi anulação de reservas de clientes por não conseguirem passar cá!” E dá duas sugestões: Que se evite a realização destes eventos aos feriados e aos fins de semana, e que, como as avenidas são razoavelmente largas, que estas provas se façam numa ´so faixa de rodagem deixando livre a outra!
CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------